Entenda porque, pacientes reumáticos devem se vacinar contra a gripe influenza

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde, no mundo entre 290 a 650 mil mortes, foram causadas por doenças respiratórias relacionadas ao vírus influenza.

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde, no mundo entre 290 a 650 mil mortes, foram causadas por doenças respiratórias relacionadas ao vírus influenza.

O risco de complicação pelo vírus influenza é aumentado em pacientes imunussuprimidos, como é o caso dos pacientes reumáticos ou com doenças inflamatórias, que não só precisam, mas devem tomar a vacina contra a gripe influenza que é disponibilizada pelo Programa Nacional de Imunização, alerta a médica reumatologista Dra Gecilmara Cristina Salviato Pileggi, coordenadora da Comissão de Doenças Endêmicas e Infecciosas da Sociedade Brasileira de Reumatologia.

A vacina contra gripe influenza é administrada gratuitamente nos postos de vacinação do SUS e protege contra os seguintes vírus:

  • Influenza A – H1N1
  • Influenza A – H3N1
  • Influenza B – Victoria

Pacientes reumáticos e com doenças inflamatórias fazem parte do grupo de risco e a vacinação gratuitaserá iniciada no dia 18 de abril e vai até o dia 31 de maio de 2019. Segundo o Ministério da Saúde, entre 10 e 18 de abril serão priorizadas as crianças e gestantes, à partir do dia 18 serão vacinados os demais grupos de riscos. Neste ano, a campanha ampliou a faixa-etária do público infantil de até 5 anos para até menores de 6 anos.

Podem ser imunizados gratuitamente:

  • Crianças de 6 meses a 5 anos de idade;
  • Gestantes e puérperas, isto é, mães que deram à luz há menos de 45 dias;
  • Idosos;
  • Profissionais de saúde, professores da rede pública ou privada, portadores de doenças crônicas, povos indígenas e pessoas privadas de liberdade;
  • Portadores de doenças crônicas também têm direito à vacinação gratuita.

Confira o vídeo com explicações sobre a vacina da gripe influenza 2019 e não perca o prazo, proteja-se!

WhatsApp Image 2019-04-10 at 16.24.31

Referências: Portal Ministério da Saúde  http://portalms.saude.gov.br/component/content/article/918-saude-de-a-a-

Referência : Portal Who. Into

Revisão médica: Dra Gecilmara Cristina Salviato Pileggi, coordenadora da Comissão de Doenças Endêmicas e Infecciosas da Sociedade Brasileira de Reumatologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *